VOR: Groupama 4 perto do lendário Cabo Horn

Groupama - Volvo Ocean Race 2011/12

Auckland (Nova Zelândia) – Itajai (Brasil)

Groupama 4 perto do lendário Cabo Horn

Franck Cammas continua na luta pelo primeiro lugar em Itajai 
 

O veleiro francês continua na primeira posição nesta quinta etapa da Volvo Ocean Race, entre Auckland (Nova Zelândia) e Itajai (Brasil). O Groupama 4 tem uma vantagem de cerca de 50 milhas do veleiro norte-americano Puma. Depois de uma semana de condições climáticas muito difíceis, a tripulação está instalada na liderança da frota.

Franck Cammas e os seus homens foram os primeiros a passar o último “ice gate” na terça-feira. O percurso rumo ao Cabo Horn está agora aberto. A cerca de 1,100 milhas do lendário ponto de circunavegação, o Groupama 4 continua na primeira posição desta etapa que ruma ao Brasil.

“O limite de gelo preveniu-nos da tentação de adoptar uma rota mais a Sul, rumo ao centro da zona de depressão. Como tal, o limite manteve-nos livres dos ventos fortes e dos mares violentos. No entanto, não estivemos muito longe dos icebergs, o nosso navegador, Jean-Luc Nélias, mostrou-nos dois blocos de gelo gigantescos a Oeste da nossa posição. Juntos com o Puma, conseguimos manter-nos bem no limite, e desde então estamos com o percurso totalmente livre até ao Cabo Horn.”, explica Franck Cammas, skipper do Groupama 4.

O skipper do veleiro francês, fez também um breve comentário sobre a quinta etapa: “Gostaríamos que as coisas tivessem sido mais fáceis, apesar de estar a ser tudo como imaginámos. Tivemos umas noites complicadas, com mares muito agitados, o que nos obrigou a diminuir o ritmo para poupar tanto o veleiro, como a tripulação. Têm sido as semanas mais difíceis desde o começo da Volvo Ocean Race. A sobrevivência tem sido o lema de toda a etapa.”

Depois de centenas de milhas a velejar ao mesmo ritmo e com as mesmas tácticas, o veleiro francês viu-se forçado a mudar de velas, a primeira mudança de velas desde os últimos dias. Enquanto que numa regata In-Port esta alteração não demora mais de um minuto, em alto mar a tarefa não é tão fácil. Os velejadores começam por baixar as velas a sotavento, seguindo-se depois a limpeza de todo o material. Depois começa o verdadeiro esforço, são precisos dez homens a trabalhar intensivamente durante, pelo menos, dez minutos. Toda a operação demora, em média, duas horas, com o esforço de todos os tripulantes. Durante este tempo, os velejadores não fazem mais nada, a navegação esquece-se e não há descanso algum, nem paragens para comer.

Yann Riou, na sua mensagem diária, comenta o dia de hoje a bordo do Groupama 4: “Está um dia aborrecido, o sol que brilhou durante alguns dias deu lugar ao céu cinzento e à humidade. O único lado positivo é que o mar, que tem estado bastante agitado, acalmou e possibilitou-nos manter o ritmo. No entanto, as condições continuam tempestuosas. É engraçado como nos vamos habituando a este clima e a toda a monotonia.”


Posição dos veleiros presentes na 5ª Etapa da Volvo Ocean Race às 13:00 horas

1. Groupama 4
2. Puma
3. Telefonica
4. Camper
5. Abu Dhabi Ocean Racing
6. Sanya 
 

 "Um Veleiro, uma Equipa, um Mundo para conquistar"


The Volvo Ocean Race


A Volvo Ocean Race é a mais antiga e conhecida regata à volta do Mundo, com escalas, e que se realiza de três em três anos. Uma prova de coragem excepcional de vela e de esforço humano, que foi desenhada sobre o espírito dos grandes marinheiros - os homens destemidos que navegaram os oceanos do mundo a bordo de veleiros há mais de um século.

Durante os oito meses da Volvo Ocean Race 2011/12 - que começou em Alicante (Espanha) em Outubro de 2011 e termina em Galway (Irlanda) no início de Julho de 2012, as equipas vão percorrer mais de 39.000 milhas náuticas dos mares mais traiçoeiros do mundo passando por Cape Town, Abu Dhabi, Sanya, Auckland, Cabo Horn, Itajaí, Miami, Lisboa e Lorient.

www.volvooceanrace.com

Sobre Groupama Seguros


O Groupama 4, armado pelo Grupo do mesmo nome, tem como skipper Franck Cammas, parceiro do Grupo. Através desta colaboração que já vai há 14 anos, Groupama e os seus 16 milhões de Clientes espelhados em 14 países, associa-se a um projecto que combina trabalho de equipa e tecnologia para um desempenho de alto nível à volta do mundo. O desafio na Volvo Ocean Race levará Franck Cammas e o Groupama Sailing Team a Lisboa em Maio de 2012 onde a Groupama Seguros, filial do Grupo, terá a honra de o receber.

Mais imagens e declarações de Franck Cammas e do Team Groupama aqui. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Enviar

Group@ma.net

Groupama é uma mútua de seguros, serviços bancários e financeiros, com uma distribuição multi-canal para servir os seus 16 milhões de clientes.